Posts Tagged ‘Torcida do Galo’

Arena do Galo vira projeto de torcida

janeiro 5, 2008

 

O fanatismo da torcida atleticana pode fazer com que o Galo tenha seu próprio estádio? Um projeto de construção de uma arena pode ser a resposta para essa pergunta. Alguns atleticanos se conheceram no site de relacionamentos do Orkut e fundaram um site independente: http://www.estadiodogalo.com.br na expectativa de atrair olhares para o que seria a maior façanha da história do clube.

Diversas torcidas organizadas como a Galo Metal e a Candangalo já apoiam o projeto. O local da construção ainda não está definido e os organizadores já fazem estudos para viabilidade do terreno.

“Propomos que o estádio do Galo possa ser construído no Terreno da Vila Olímpica que possui hoje 74.000 m2 capaz de absorver um estádio como descrito. Para isso teremos que recomprar as cotas dos cotistas atuais ou repassá-los pro clube Labareda do Galo. Também temos outros terrenos muito interessantes dentro de BH ao lado do Metrô e próximos da Vila Olímpica, no final da Av.Cristiano Machado. O importante aqui não é o local onde o estádio será feito mas principalmente medir QUANTO podemos arrecadar e QUANTOS torcedores estariam dispostos a isso durante 4(quatro) anos. Vamos fazer um estudo de mercado bem real”, diz o site.

Os atleticanos idealizadores do projeto ainda cutucam a construção do Engenhão. “Após um estudo de vários estádios pelo mundo chegamos a conclusão que podemos sim construir um estádio com maior capacidade e bem mais barato que o Engenhão do RJ onde as obras foram super-faturadas. Chegamos a conclusão que somos capazes de fazer um estádio em torno de 76.000 a 80.000 lugares com cerca de R$250 a 300 milhões de reais se fizer-mos um estádio como proposto abaixo. E a torcida atleticana é capaz de pagar a metade deste valor se conseguir-mos pelo menos 30 a 40 mil interessados”, afirma o site.

O estádio seria nos moldes construídos em países sulamericanos como o estádio de Lima, onde o Brasil jogou a última partida fora de casa nas eliminatórias. Esse tipo de construção foi a solução encontrada como barateamento e viabilidade para erguer um estádio de futebol moderno. Colômbia e Equador também possuem estádios nesses moldes.

O projeto atleticano se difere do Corinthiano em sua estrutura, já que os paulistas tinham um padrão europeu de referência. O “Fielzão” como seria chamado a Arena corinthiana foi por água abaixo a aproximadamente duas semanas.

Escrito por: Emérson Junior, fanáticos por futebol 

Visite o site do projeto: http://www.estadiodogalo.com.br/